domingo, 8 de novembro de 2015

A OPÇÃO TOTALITÁRIA DOS INTELECTUAIS

Editorial do jornal O Estado de São Paulo, publicado no dia 27/3/1979, a propósito da perseguição contra professores da PUC/RJ que não seguiam a cartilha totalitária da vulgata marxista-leninista, movida por professores, departamentos, entidades docentes e discentes etc. Passados 36 anos, quando a liberdade acadêmica na universidade brasileira já não passa de ficção, diante da realidade do pensamento único, a publicação de um artigo desta qualidade na imprensa, também submetida à mesma vulgata, é praticamente impossível. Vale ressaltar que a perseguição ora em apreço, perpetrada durante a ditadura militar, não mereceu a dignidade de se constituir objeto de apuração e esclarecimento da "isenta" Comissão Nacional da Verdade.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

A liberação dos comentários obedecerá estrita e rigorosamente os critérios do proprietário do blog, observando, em primeiro lugar, os princípios legais.